Cancel Preloader

PROMOÇÃO

Jerônimo se reúne com Polícia para cobrar rapidez no caso de Mãe Bernadete

 Jerônimo se reúne com Polícia para cobrar rapidez no caso de Mãe Bernadete

wp header logo 3.png

Compartilhe

Líder quilombola foi assassinada no dia 17 de agosto, no Quilombo Pitanga dos Palmares, onde vivia

O governador Jerônimo Rodrigues (PT) esteve com representantes da Polícia Civil para pedir mais agilidade e rapidez na resolução do caso de Mãe Bernadete, líder quilombola assassinada dentro da própria casa, em Simões Filho, ainda este mês.

O encontro foi publicado nas redes sociais de Jerônimo, que ressaltou o compromisso da gestão em findar o crime.

“Em reunião com a Polícia Civil da Bahia, enfatizamos a importância de dar celeridade às investigações do trágico assassinato de Mãe Bernadete. Nosso governo está comprometido em monitorar para garantir justiça e segurança para todos os baianos e baianas”, escreveu.

Leia também:

Para reforma do Elevador Lacerda, Prefeitura firma contrato milionário

“Não tenho mais condições de apoiar Geraldo Júnior”, dispara Carlos Muniz sobre pré-candidatos para gestão municipal

A líder quilombola foi assassinada no dia 17 de agosto, no Quilombo Pitanga dos Palmares, onde vivia. Na oportunidade, a também ialorixá foi executada com 12 tiros no rosto e outros 10 no tórax.

O assassinato aconteceu pouco mais de uma semana depois do seu encontro com a ministra do Supremo Tribunal Federal (STF), Rosa Weber, em que relatou que estava sendo ameaçada e pediu ajudar da última instância judicial. A líder quilombola estava sob salvaguarda do Programa de Proteção aos Defensores de Direitos Humanos (PPDDH) do Governo Federal.

Siga o PNotícias no Google Notícias e receba as principais notícias do dia em primeira mão.


source

PIATÃ FM - 94,3